sexta-feira, 3 de julho de 2009

FESTA DE St. AMARO 1989 TERRENHO

Espero que tenham tanto prazer como eu, em ver toda esta gentinha, com um destaque para o Sr Padre Morais, que como muitos ainda se lembram, foi padre no Terrenho " e ainda podia ser" so que para certas pessoas ele era moderno demais, agora temos o resultado, ainda bem que em Folgosinho, souberam aproveitar o seu talento.

:Nos proximos dias vou por mais imagens desta festa. :

:Agradeçemos ao sr. Avelino de nos ter cedido este filme.

*******************************************

5 comentários:

ALCINA MATEUS disse...

Que saudades do Sr.Padre Morais, o pouco que convivi com ele e apesar de ser muito nova deu para perceber que era uma pessoa fora do vulgar, mas infelizmente as pessoas fora do vulgar nessa época tinham pouca sorte no Terrenho, em Folgosinho deram-lhe o valor que realmente merece. Espero que ainda lá se mantenha e de boa saúde porque ele merece.Um abraço, ALCINA

Anónimo disse...

Vriginia olá gostei muito de ver o rancho e a festa, já mais pensei em ver o Sr PADRE MORAIS,uma pessoa
maravilhosa,amigo de ajudar a todos sem nenhum interesse, pena que não lhe deram o valor que merecia,Folgosinho, soube valorizá-lo por isso parabéns Folgosinho
UM GRANDE ABRAÇO E MUITO OBRIGADA PELO FILME VIRGINIA

Conterraneo2 disse...

Os comentàros que forem enviados para dar piadas teem que ser assinados, caso contrario esles seram retirados, quando temos a certeza naquilo que dize-mos nao custa nada assinar.
José Mateus

Anónimo disse...

senhor administrador, nao vejo por que o senhor censura certos comentarios e otros nao. eu vi um comentario na foto da raiola: "sera k o jagodes perdeu a dentuça".
fiquei triste de ver que o senhor deixou alguem fazer poco do Senhor Avelino e depois, censura otros comentarios.

Paulo, um filho da terra que vive na nossa terra mais tempo que certas pessoas que passam so umas horas no ano!

Anónimo disse...

para mim foi muita alegria ver a festa da nossa querida terra .Recordar as pessoas que faziao bém a muita gente como o padre morais de quém eu sinto imensas saudades. também recordo muita gente que ja nao sao deste mundo de quém eu sinto muitas saudades, a dona Silvandira, o luis carrolo, o pai dele e muitos mais obrigado zé , do teu bom trabalho um abraço e viva folgosinhos de ainda terem o padre morais parabéms um abraço senhor padre morais maria augusta e marcilio